Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2009

Sinproesemma convoca categoria para assembleia regional

Sinproesemma convoca categoria para assembleia regional

O Sinproesemma vai realizar assembleia regional na próxima quinta-feira, 3 de setembro, no sindicato dos Bancários, às 8h.O objetivo é discutir campanha salarial e dar os informes aos trabalhadores em educação sobre como proceder à falta de resposta do governo em se reunir com a categoria.
Professores precisam levar o contracheque. O Sindicato dos Bancários fica na Rua do Sol.
Fonte:http://www.sinproesemma.com.br/2009/8/27/Pagina1826.htm

Professores municipais têm titulação reconhecida

O prefeito de São Luís, João Castelo, assinará, nesta quarta-feira (26), três decretos que tratam da implantação das gratificações a 1.374 profissionais do magistério por titulação, por difícil acesso e por jornada de trabalho ampliada, em uma solenidade especial que acontece às 9h, no Rio Poty Hotel. Os benefícios já serão inclusos na folha deste mês de agosto.
Do total de 1.374 professores beneficiados, 765 receberão a gratificação por titulação, 569 por difícil acesso e 40 ganharão recursos pela jornada ampliada de trabalho não pagas desde julho de 2008. Todos os profissionais do magistério público contemplados foram convidados para o evento por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed) e do Sindicato dos Profissionais do Magistério do Ensino Público Municipal de São Luís (Sindeducação) e estarão presentes na solenidade.
O titular da Semed, Moacir Feitosa, disse que o prefeito João Castelo está promovendo esta reunião com os profissionais do magistério com o objetivo de implan…

Campanha salarial da rede estadual. Já esperamos mais de 100 dias e nada!

Companheiros,
Dia 6 de maio a diretoria do SINPROESEMMA protocolou a nossa pauta de reivindicações na SEDUC, esta quase nada atendeu, até o momento.Agora em agosto, dia 4 eles solicitaram uma reunião com a GOVERNADORA e ela não os recebeu. A diretoria em contra partida, se limitou a colocar uma nota criticando sutilmente o governo e o programa escola viva, APÓS ISSO NADA MAIS FIZERAM.Professores e demais profissionais do magistério, até quando vamos aguardar a boa vontade dessa gente?A diretoria do sindicato já esperou demais, se contabilizarmos, estamos a mais de 100 dias aguardando uma resposta, tempo suficiente para o governo se posicionar sobre as nossas reivindicações.
Temos demandas urgentes, que não podem esperar caso contrário nossa categoria terá sérios prejuízos, como por exemplo, a discussão e construção do nosso PLANO DE CARGOS, CARREIRAS E SALÁRIOS, QUE TEM PRAZO PARA SUA INSTITUIÇÃO, prazo este que se encerrará no final de 2009.Portanto, diante dessa conjuntura, acredito q…

Professores e diretores de escolas de SÃO JOSÉ DE RIBAMAR, têm salários reajustados

SÃO JOSÉ DE RIBAMAR - Em solenidade realizada nesta sexta-feira (21), o prefeito Luís Fernando Silva (DEM) sancionou lei, de autoria do Executivo Municipal, reajustando os salários de todos os professores e diretores da rede municipal de ensino de São José de Ribamar.
A medida, que beneficia 922 professores e 88 diretores, faz parte de um conjunto de ações desenvolvidas pela administração Luís Fernando desde 2005 que visam, além de valorizar os profissionais do magistério, continuar melhorando os indicadores educacionais do município.

Reajuste Divididos em três níveis, a remuneração da categoria dos professores ficou da seguinte forma: Nível I passará de R$ 763,00 para R$ 900,00; Nível II passará de R$ 787,00 para R$ 1.100,00; Nível III passará de R$ 904,00 para R$ 1.350,00. O reajuste é retroativo ao mês de agosto. A remuneração da categoria diretor ficou da seguinte forma: Diretor Geral de Escola Tempo Integral (nomenclatura mudada) – passará de R$ 2.900,00 para R$ 3.500,00; Vice Dire…
CAMPANHA SALARIAL PRA VALER: REAJUSTE JÁ! Durante os últimos anos os professores do Maranhão vêm sofrendo, por partes dos governos, uma série de atentados a direitos já adquiridos, que tem colocado em risco a carreira do magistério e consequentemente a qualidade da educação pública do nosso estado. Temos sido permanentemente ameaçados e desrespeitados por governadores(as) e secretários que, lamentavelmente, tratam a educação como uma questão apenas de marketing político-eleitoral. Um dos maiores exemplos disso é a política salarial imposta aos trabalhadores da educação no decorrer dos últimos anos, que vem promovendo cumulativas perdas e uma ameaçadora desvalorização da carreira. A lei que criou Estatuto do Magistério em 1994 jamais foi respeitada no tocante as questões remuneratórias; em 2004 tivemos a suspensão e posteriormente (2006) a revogação dos artigos 54,55,56 e 57 que estabelecia um interstício de 5% de uma referência para outra; em 2008 o então governador concedeu reajuste …

REUNIAO DO MRP

Companheiros,

Sábado, 22/08 nos reuniremos mais uma vez para discutirmos questões referentes à nossa campanha salarial. LOCAL: CE BCA (antigo Meng) 08h30min Compareça e divulgue esse ato, fortalecendo assim nossa mobilização.
Chega de passividade e resignação!

Juntos somos muitos,
Juntos somos mais,
Juntos somos fortes!

Em nota, Sinproesemma critica falta de resposta da Governadora Roseana

Por: SINPROESEMMA]
Data de Publicação: 12 de agosto de 2009

Foi lançado ontem pelo Governo do Maranhão o Programa “Escola Viva – Tempo de Compromisso com a Qualidade no Ensino” composto pelas metas do Governo do Estado para a área educacional até o final de 2010.
Na avaliação do Sinproesemma o programa deixa de lado pontos importantes para a melhoria na qualidade do ensino público, como, por exemplo, a adoção do Piso Salarial Nacional para a categoria. “Nada sobre o Piso é mencionado no programa”, ressalta Júlio Pinheiro, presidente do Sinproesemma. Para ele a valorização do professor (uma das metas do programa do Governo) passa pelo reconhecimento do Piso Salarial Nacional sancionado pelo Presidente Lula.
Há também outro ponto a ser observado pelo Programa, de acordo com Júlio, que é a formação do professor. “O MEC tem o programa nacional de formação, mas aqui no Maranhão a formação é debilitada, inconstante, sazonal. É preciso uma política efetiva, permanente de formação”.
Uma das metas …

Espanhol nas escolas públicas.

Da Agência Brasil
O ministro da Educação, Fernando Haddad, assinou na manhã desta terça (4) acordo com o Instituto Cervantes, da Espanha, para formação de professores de espanhol, que vão ensinar o idioma nas escolas públicas brasileiras. A instituição mantém centros de ensino do idioma em diversos Estados.
Segundo Haddad, a parceria vai “potencializar cooperação que já existe com o MEC, permitindo que a partir do próximo ano os estudantes que quiserem aprender espanhol tenham o aprendizado disponibilizado em todo o país”.
A Lei nº 11.161, sancionada pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva em 2005, prevê que as escolas de ensino médio serão obrigadas, a partir do próximo ano, a oferecer o ensino do idioma. Até 2010, 26.000 professores de espanhol deverão dar aulas nas escolas públicas do país.
O ministro da Educação destacou, em entrevista, que o acordo, assinado na presença da vice-presidente do governo espanhol, Maria Teresa Fernandez de La Vega, é muito importante para o Brasil, que …

GOVERNO ESTADUAL NEGA AUMENTO AOS PROFESSORES

Sec de educação nega aumento aos professores.Sinproesemma cobra tabela salarial e confirma concurso e promoções
Data de Publicação: 31 de julho de 2009
Concurso público para 5.320 professores e especialistas e promoção de 1.912 educadores foram dois compromissos firmados pelo secretário de Estado da Educação, César Pires, com a diretoria do Sinproesemma, na tarde de quarta-feira (dia 29), durante a segunda reunião entre as duas instituições. O encontro foi provocado pelo sindicado para cobrar respostas à pauta de reivindicações entregue no dia 6 de maio.
Dentre os 16 itens da pauta, o Sinproesemma insistiu em obter do governo um posicionamento quanto à recomposição da tabela salarial, tendo como referência o Piso Salarial Nacional e o índice de 19,2% pelo qual o valor aluno/ano do Fundeb foi reajustado. O secretário informou que 96% do orçamento para este ano foi gasto pelo governo anterior e que as promoções funcionais beneficiaram um terço dos professores efetivos. Sem avanço nessa que…