Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2012

Iniciada a greve na rede municipal de ensino.

Os professores da rede municipal de ensino de São Luís iniciaram mais uma GREVE DA CATEGORIA. O MOVIMENTO PAREDISTA FOI DEFLAGRADO EM FUNÇÃO DA INTRANSIGÊNCIA DO PREFEITO JOÃO CASTELO QUE INSISTE EM NÃO GARANTIR UMA SÉRIE DE DIREITOS DOS PROFESSORES, desde que este assumiu o comando da prefeitura. A manifestação de hoje ocorreu com uma concentração em frente à biblioteca pública Benedito Leite na Praça Deodoro, de lá os docentes saíram em passeata pelas ruas do centro, protestaram em frente à SEMED e em seguida se dirigiram até o Palácio Henrique de La Roque onde encerraram o ato por volta das 15h.


Amanhã, a partir das 8h a categoria se reunirá na sede do SINDEDUCACAO na COHAB para traçar o PLANO DE LUTA.

COMPAREÇA!

AOS PROFISSIONAIS DA EDUCAÇÃO MUNICIPAL DE S. LUIS - CONVOCATÓRIA

A DIREÇÃO DO SINDEDUCAÇÃO E O COMANDO DE GREVE CONVOCAM TODOS OS PROFESSORES DA REDE MUNICIPAL DE SÃO LUIS PARA A GREVE GERAL A PARTIR DE 31 DE JANEIRO, TERÇA-FEIRA. ATO PÚBLICO ÀS 8 HORAS, NA PRAÇA DEODORO.
A PARALISAÇÃO É CONSEQUENCIA DAS ATITUDES DO PREFEITO JOÃO CASTELO QUE NÃO CUMPRE AS DECISÕES JUDICIAIS, DESRESPEITA O PLANO DE CARREIRA DO MAGISTÉRIO. ALÉM DAS PÉSSIMAS CONDIÇÕES QUE SE ENCONTRAM AS ESCOLAS E OS ANEXOS .

A GREVE É LEGÍTIMA.

CONTAMOS COM O APOIO DE TODOS.

GREVE GERAL JÁ!

Para evitar uma derrota nas primeiras eleições diretas do sindicato a Dir. do SINPROESEMMA (PCdoB/PT/CTB) manobra e modificará o estatuto da entidade no 4º CONTEMA.

Sinproesemma inicia preparativos para o 4º Contema O Plano Nacional de Educação com investimento de 10% do PIB na educação pública, gestão democrática e a valorização dos educadores públicos são questões centrais que serão tratadas no 4º Congresso dos Trabalhadores em Educação Básica Pública do Estado do Maranhão (Contema), que será realizado nos dias 29,30 e 31 de março deste ano.

O congresso é promovido pelo Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública (Sinproesemma), com a meta de reunir mais de 300 educadores de todas as regiões do estado. Para isso, serão realizadas, no período de 26 a 29 deste mês, as assembleias gerais municipais, as quais deverão eleger os delegados dos núcleos sindicais, que irão representar, no congresso, os trabalhadores da educação dos diversos municípios maranhenses.

No próximo dia 19,de acordo com o regimento do evento, será divulgada a lista dos núcleos sindicais declarados aptos à participação no congresso, assim como as quotas de delegados de cada u…

EDUCAÇÃO MARANHENSE EM CRISE: Extinção do Ensino Médio no povoado Paiol do Centro município de Parnarama preocupa moradores.

EDUCAÇÃO MARANHENSE EM CRISE: Extinção do Ensino Médio no povoado Paiol do Centro município de Parnarama preocupa moradores.


O povoado Paiol do Centro município de Parnarama-Ma, vai ficar sem o Ensino Médio durante todo o ano de 2012. Foi o que informou ao portal Debate Democrático e ao blog Julimar Silva, moradores da comunidade, distante 63 km da sede e a 85 km de Caxias-Ma.

O que mais impressiona e o que poucas pessoas entendem, é porque o Ensino Médio em toda a zona rural será suspenso. Um morador que prefere não ser identificado reprova a ação do Governo do Estado:

“Imagina só os alunos que terminam a 9º ano vão ficar sem estudar. Aqui no Paiol as pessoas estão sem saber o que fazer. A culpa é da nossa governadora Roseana Sarney”, afirma.

Alguns moradores dizem que a alegação para o fechamento das turmas, é a de que o Ensino Médio não é de boa qualidade. As famílias da comunidade não sabem o que fazer, pois sem o 1º ano do Ensino Médio em 2012, no próximo ano, não terá o 2º ano e…

Sarney ganha concurso "Algemas de Ouro 2011"

Prêmio será entregue na quinta-feira no baile "Pega Ladrão". José Dirceu e Jaqueline Roriz também serão premiados Sarney teve 59,5% dos quase sete mil votos computados Foto: Reprodução No final do ano passado, para lidar de maneira divertida com a impunidade no cenário político brasileiro, o Movimento 31 de Julho, que já levou milhares de cariocas às ruas em protestos contra a corrupção, lançou o concurso “Algemas de Ouro 2011”. A apuração dos votos foi feita a partir da meia noite de ontem (16). O primeiro lugar ficou com o presidente do Senado Federal e ex-presidente da República, José Sarney, que recebeu 59,5% dos votos, dos quase sete mil votos computados.
O “prêmio” será entregue na próxima quinta-feira (19), em meio ao baile de carnaval com o sugestivo nome de Pega Ladrão. A trilha sonora foi escolhida a dedo: marchinhas e sambas inspirados na corrupção e na impunidade da política brasileira, como “Se gritar pega ladrão!”, de Bezerra da Silva; ‘Lama’, de M…

APEOESP sai na frente e dá exemplo aos demais sindicatos.

SP tem 72h para cumprir lei do piso
Liminar concedida ao Sindicato dos professores do Ensino Oficial do Estado (Apeoesp) exige a aplicação, por parte do governo, da jornada da Lei do PisoA Justiça deu prazo de 72 horas, a partir da começo da noite de ontem, para a Secretaria Estadual da Educação de São Paulo cumprir a liminar concedida ao Sindicato dos professores do Ensino Oficial do Estado (Apeoesp) que exige a aplicação, por parte do governo, da jornada da Lei do Piso. A liminar foi concedida em novembro e não cabe mais recurso do governo.

A Lei 11.738/2008 garante que, da jornada dos docentes, 33% sejam utilizados para atividades fora da sala de aula, como correção de provas, atendimento de alunos, preparação de aulas e cursos de formação profissional, entre outras. O índice mais atual do governo estadual, de novembro, é de 17%.

De acordo com Maria Izabel Noronha, presidente da Apeoesp, a entidade questiona o governo sobre o tema há mais de um ano. "A secretaria só começou a …

O Maranhão do melhor governo da vida de Roseana Sarney sequer tem um Plano Estadual de educação - PEE. Isso é A REVOLUÇÃO?

Mais da metade dos estados não possui plano estadual de educação


A elaboração dos planos está prevista no Plano Nacional de Educação e na Lei de Diretrizes e Bases da Educação, mas, dez anos depois, 15 estados e o DF ainda não aprovaram um; metas dos planos já existentes não são monitoradas

Um levantamento do Observatório da Educação, da ONG Ação Educativa, revela que 15 dos 26 estados* não possuem planos estaduais de educação que estabeleçam diretrizes e metas para as políticas públicas da área. O distrito federal também não tem um plano distrital.

A elaboração de planos estaduais é exigência do Plano Nacional de Educação (PNE) – Lei 10.172, de 2001 – e também está prevista na Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB), de 1996. De acordo com o PNE, os municípios também devem elaborar seus planos, em consonância com a legislação nacional e estadual.

O professor César Augusto Minto, da Faculdade de Educação da USP, avalia que a ausência de planos nos estados decorre da falta de trad…

Olha a revolução na EDUCAÇÃO prometida pela governadora.

Seduc perde prazo e Maranhão fica sem Pro-jovem…


O Maranhão deve ficar sem o Programa Jovem Urbano, o Pro-jovem, do Governo Federal.
A Secretaria de Educação perdeu o prazo para cadastramento, que terminou quarta-feira passada, deixando milhares de beneficiários sem perspectiva de receber os recursos do programa.
Até o ano passado, o Projovem era gerido no Maranhão pela Secretaria de Juventude, mas o governo decidiu repassá-lo à Secretaria de Educação.
Pelas regras do programa, cada jovem inscrito, ganha uma bolsa de R$ 100,00, a garantia de matrícula para conclusão do Ensino Médio ou realização de Curso Profissionalizante - e, se tiver filhos, garantia de creche com alimentação para a criança.


Com a perda do prazo, o Maranhão perde alguns milhões de reais do programa…

fonte: seg, 16/01/12 por Marco D'Eça às 13:00h

Será essa a REVOLUÇÃO NA EDUCAÇÃO prometida pela Governadora? (2)

Ceará é o 2º do Nordeste em professores graduados
No Ceará, 41.528 professores têm nível superior; já no Ensino Médio o total chega a 13 mil

O Estado tem a segunda melhor frequência de alunos no ensino fundamental do País, um total de 93,4%Brasília O Ceará tem 62,61% dos seus professores com nível superior. Esse universo representa 58.218 docentes do total dos 92.981 existentes.

O índice é o segundo maior do Nordeste, só perdendo para Sergipe, que tem um índice de 64,56%. O percentual cearense é superior ao da região Nordeste que ficou com 46,6%. Do total de 627.721 profissionais da Educação da região somente 292.910 passaram pela universidade.

Os dados foram divulgados ontem pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), através do "Comunicado 129 - A presença do Estado no Brasil". No Brasil são 2,1 milhões de docentes, destes, 1,3 milhão, ou 63,6%, têm nível superior.Na maioria dos estados, porém, o número de docentes com formação superior não chega a 40% do total.

Será essa a REVOLUÇÃO NA EDUCAÇÃO prometida pela Governadora?

O governo do Maranhão fecha várias escolas em todo o estado e em contra partida aumenta o número de presídios. Por exemplo, citamos o caso do Centro de Ensino Médio César Aboud que funcionava no Monte Castelo e está sendo transformado em unidade prisional.
Veja a nota postada no site da SEDUC:

A Secretaria de Estado de Educação (Seduc) divulgou, nesta quarta-feira (11), nota sobre a reorganização de espaços ociosos nas escolas públicas de todo o estado. Confira a nota na íntegra:
"A Secretaria de Estado da Educação (Seduc), no intuito de otimizar os espaços ociosos nos prédios escolares em todo o Maranhão, garantindo assim a oferta de um ensino de qualidade, está realizando uma reorganização de toda a rede pública estadual de ensino.


A medida visa aumentar a oferta de vagas de acordo com a capacidade dos colégios, melhorando os ambientes escolares e dotando-os de equipamentos e materiais pedagógicos necessários ao avanço da aprendizagem dos alunos.

Sendo assim, a Seduc está realizan…

Aos professores da rede municipal de ensino de S. Luis

A Presidenta do Sindicato dos Profissionais do Magistério do Ensino Público Municipal de São Luís - SINDEDUCAÇÃO / SL, no uso de suas atribuições legais com base no Art. 5º do Estatuto da Categoria, convoca todos os Profissionais da Educação sócios deste SINDICATO,
para participar de uma Assembléia Geral Extraordinária, que será realizada na FETIEMA, Praça da Bíblia, Centro, no dia 13 de janeiro de 2012,Sexta-feira, às 16h, em primeira convocação com 5% (cinco por cento) dos associados em dias com suas contribuições e em segunda convocação às 16h30min, com qualquer número de associados presentes para deliberar sobre a seguinte pauta:

Analise dos resultados das negociações da Administração Pública com a categoria iniciada dia 27 de julho de 2011, com apreciação do Deferimento de Movimento Paredista, sem tempo determinado.

São Luís, 05 de janeiro de 2012.


Maria Lindalva Batista
Presidenta do SINDEDUCAÇÃO

Fonte: site do Sindeducação

Compareçam!

MEC prevê p/ 2012 atualização do Piso em 22,22%

Para a CNTE, em 2012, o PSPN vale R$ 1.937,26

Fundeb é reajustado em 21,24% e cálculo do MEC prevê atualização do Piso em 22,22%

Em 29 de dezembro de 2011, o Ministério da Educação publicou a Portaria Interministerial nº 1.809 fixando o valor per capita de referência do Fundeb (anos iniciais do ensino fundamental urbano) em R$ 2.096,68 para o ano de 2012. Em comparação com o último valor vigente (R$ 1.729,28, anunciado pela Portaria nº 1.721, de 7/11/11), o reajuste do Fundeb equivale a 21,24%.

Vale registrar que a Portaria 1.809 determina um valor mínimo para o Fundeb acima do estimado em setembro de 2011, quando o projeto de lei orçamentária da União previu o crescimento em apenas 16,6%. Outra discrepância entre o projeto de orçamento e a referida Portaria diz respeito aos estados que receberão a complementação do Governo Federal. À época foi informado que Piauí e Rio Grande do Norte dariam lugar a Minas Gerais e Paraná, coisa que não ocorreu, ao menos nesse início de ano.

Com relaç…

O Salário do professor no Brasil é o 3º pior do mundo.

O professor brasileiro de primário é um dos que mais sofre com os baixos salários.

É o que mostra pesquisa feita em 40 países pela Organização Internacional do Trabalho (OIT) e a Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (Unesco) divulgada ontem, em Genebra, na Suíça. A situação dos brasileiros só não é pior do que a dos professores do Peru e da Indonésia. Um brasileiro em início de carreira, segundo a pesquisa, recebe em média menos de US$ 5 mil por ano para dar aulas. Isso porque o valor foi calculado incluindo os professores da rede privada de ensino, que ganham bem mais do que os professores das escolas públicas. Além disso, o valor foi estipulado antes da recente desvalorização do real diante do dólar. Hoje, esse resultado seria ainda pior, pelo menos em relação à moeda americana. Na Alemanha, um professor com a mesma experiência de um brasileiro, ganha, em média, US$ 30 mil por ano, mais de seis vezes a renda no Brasil. No topo da carreira e após mais de 1…