Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2010

XI Semana Nacional em Defesa e Promoção da Escola Pública e PARALISAÇÃO DE 48H

XI Semana Nacional em Defesa e Promoção da Escola Pública


No Brasil, a ação acontecerá durante a XI Semana Nacional em Defesa e Promoção da Escola Pública promovida pela CNTE, que também acontece de 19 a 25 de abril, tem como tema “Piso e carreira valorizam os/as profissionais da Educação”.

A Cartilha sobre o Piso e a Carreira da CNTE será o material utilizado nos debates. Abaixo, confira a programação aprovada pelo Conselho Nacional de Entidades da CNTE para a Semana:


ATIVIDADES: PROGRAMAÇÃO DA CNTE

19/04 – Coletiva à Imprensa;

20/04 – Debate com a Comunidade Escolar nos locais de trabalho sobre o Piso e Carreira;

22/04 – Audiências Públicas nas Câmaras Municipais e Assembleias Legislativas sobre o Piso e Carreira;

23/04 – Mostra Municipal e Estadual das boas práticas educacionais de iniciativa dos/as Profissionais da Educação;

24/04 – Panfletagem nas Feiras ou locais de grande aglomeração populacional;

25/04 – Uso das mídias, fazendo um balanço da Educação Pública local e nacional.

Aos Profissionais da Educação Muncipal de São Luís.

OPOSIÇÃO SINDEDUCAÇÃO - Informativo Nº 05, Ano I, São Luís – Ma, Abril/2010
Professor(a) e demais profissionais da educação municipal, bom dia!
Hoje, lamentavelmente, somos obrigados a abandonar nossas escolas por 48 h, para lutarmos nas ruas pelos nossos direitos, por melhores condições de trabalho e consequentemente, pela melhoria da qualidade do ensino público municipal.
Essa luta deve ser assumida por todos nós, pois ela tem amparo legal e é justa. Nesse sentido, é fundamental, que cada vez mais os educadores compreendam a importância e a necessidade desta, passando a ser um sujeito ativo nesse processo de luta, contribuindo decisivamente a favor da nossa categoria. A indiferença e a resignação que acomete alguns educadores,enfraquece a nossa luta e o que é pior, fortalece o Governo, que corriqueiramente recorre a fala “ esse movimento não tem representatividade, pois não tem o apoio de toda a categoria”.Educador, reflita: as ações do Governo municipal atingem a todos nós, sejam elas…

PROFESSORES DA REDE MUNICIPAL DECIDEM PELA PARALISAÇÃO DE 48H

Em assembléia geral realizada dia 10 de abril (sábado), na sede do SINDEDUCAÇÃO, os professores da rede municipal de São Luis decidiram pela paralisação de advertência de 48 horas para os dias 14 e 15 de abril. O sindicato com o apoio da categoria denuncia a morosidade da prefeitura em finalizar a negociação da pauta de reivindicação dos professores de 2009 e iniciar imediatamente a de 2010.



A reunião que aconteceu com a nova Secretária de Educação, Suely Tonial, no último dia 8 de abril, avançou em alguns pontos da pauta de 2009.A SEMED já publicou a relação das progressões vertical e horizontal para pagamento imediato. Outros pontos importantes como retificação de enquadramento dos servidores que fizeram solicitação, adicional por titulação 2009, difícil acesso 2009/2010 e retificação da jornada de trabalho de 20 para 24 horas já estão em fase de conclusão e reestruturação da CAPEM com a representatividade do sindicato. No entanto, toda a campanha salarial 2010 está ameaçada razão p…

Governo convoca sindicato e volta a discutir o ESTATUTO.

SINPROESEMMA retoma negociações do Estatuto com governo estadual .



A direção do SINPROESEMMA retoma nesta sexta-feira, 9 de abril, as negociações com governo do Estado acerca da aprovação do Estatuto do Educador. A Secretaria de Educação resiste à proposta apresentada pelo Sindicato e lançou uma contraproposta que vai de encontro a muitos pontos do documento elaborado pelos educadores de São Luís e de outras cidades do Maranhão.

A luta do SINPROESEMMA pela aprovação do Estatuto do Educador tem sido apoiada por professores, funcionários de escola, representantes da educação e também pelo parlamento estadual, cujo apoio público tem vindo, entre outros, dos deputados Edivaldo Holanda  e Rubens Pereira Júnior.


O local e o horário da reunião não foram divulgados. Mas novas informações serão publicadas neste site




fonte: SINPROESEMMA

Paralisação dos educadores da rede estadual de 6 de abril.

Paralisação dos Educadores da rede Estadual








Ontem a diretoria do SINPROESEMMA realizou mais um ato público objetivando pressionar o governo para que este encaminhe o processo de reestruturação da carreira dos educadores maranhenses, através da aprovação do novo estatuto.

Nesse episódio nos chamaram atenção alguns fatos:



1- A maioria das unidades escolares não funcionou dia 6 de abril, o que evidencia apoio à paralisação.



2 - É fato que a número de professores que participaram do ato aumentou em relação ao último protesto. Porém, também é fato que o ceticismo da categoria, na capital, em relação à diretoria do sinproesemma é grande. Mais uma vez eles não conseguiram mobilizar 10% dos professores ludovicenses. Isso é grave, o que está afastando os professores da luta?



Finalizaram o ato informando que aguardariam o contato do governo no sentido de se realizar mais uma rodada de negociação em torno da nossa pauta, porém, não informaram quais serão nossos próximos passos.

Inclusão digital na escola pública

Internet rápida já chegou a 66% das escolas, mas professores ainda estão despreparados para tecnologia

A Câmara dos Deputados votará nesta semana o Projeto de Lei 1481/07, do senador Aloizio Mercadante (PT-SP), que torna obrigatório até 2013 a universalização do acesso às redes de informação, inclusive a internet, em estabelecimentos de ensino de todo o país. A medida deve ser aplicada em estabelecimentos públicos e particulares de educação básica e superior.

A proposição altera a lei que institui o Fundo de Universalização dos Serviços de Telecomunicações (Fust) para estipular que 75% dos recursos arrecadados pelo Fundo, de 2008 a 2013, sejam aplicados no acesso às redes digitais. Os senadores haviam decido que o projeto seria votado com urgência. Mesmo assim, ele foi retirado da pauta na semana passada.

A informatização nas escolas públicas brasileiras anda a passos largos. De acordo com o último balanço divulgado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), 25.331 escolas pú…

Recurso do Fundeb já foi depositado (3ª parcela da complementação da União)

Recurso do Fundeb já foi depositado


Qui, 1 de abril de 2010

ASCOM-FNDE (Brasília) – O Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) transferiu, no dia 30 de março, R$ 441.071.368,10 referentes à terceira parcela da complementação da União ao Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb). O recurso pode ser conferido no portal www.fnde.gov.br ou nas páginas da Secretaria do Tesouro Nacional e do Banco do Brasil na Internet.

Os estados de Alagoas, Amazonas, Bahia, Ceará, Maranhão, Pará, Paraíba, Pernambuco e Piauí vão receber este ano a complementação por não terem alcançado, com recursos próprios, o valor mínimo nacional por aluno/ano, que, em 2010, é de R$ 1.415,97.

O Fundeb é o resultado da soma de recursos federais mais a arrecadação de impostos e transferências dos estados, do Distrito Federal e dos municípios, vinculados à educação, conforme estabelece o artigo 212 da Constituição Federal. Independentement…

Protesto na Conf. nacional de Educação - CONAE

Por Najla Passos


ANDES-SN



Docentes, técnicos e estudantes da Universidade de Brasília –UnB conseguiram ocupar o palco da Conferência Nacional de Educação – CONAE, no início da noite de domingo (28/3), para protestar contra o corte de até 26,02% nos salários dos servidores da instituição e contra a política do Governo Lula para a área.


“Enquanto o Brasil gastar 36% do orçamento pagando juros da dívida pública e somente 2,8% em educação, nós podemos fazer dez conferências que não vamos resolver o problema do sucateamento da educação no país”, afirmou o representante do Comando Unificado de Greve da UnB e da Conlutas, Rodrigo Dantas.


Protesto pacífico


O protesto dos grevistas da UnB começou às 16h, no estacionamento do Estádio Mané Garrincha, de onde os manifestantes saíram em passeata até o Centro de Convenções Ulysses Guimarães, local em que a conferência está sendo realizada. Os diretores do ANDES-SN suspenderam a reunião da diretoria, realizada na sede do Sindicato, em Brasília, e …

Sinproesemma repudia onda de perseguições em escolas (nota oficial)

Diante das sucessivas e intempestivas transferências, devoluções, relotações e colocação à disposição da Seduc de professores da rede estadual de ensino da capital, o Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Maranhão (Sinproesemma) vem a público:



1. Denunciar que 12 professores do CEM Erasmo Dias, localizado no Maiobão, foram colocados à disposição da Secretaria de Estado da Educação (Seduc) após terem denunciado ao secretário César Pires a realização no espaço físico daquela escola de evento estudantil que descambou para atividades consideradas anti-educativas;



2. Cobrar da Seduc que ao invés de punir os denunciantes investigue o fato e adote providências de forma pública e transparente, pois envolve, além de funcionários da escola, estudantes de menor idade daquela comunidade;



3. Denunciar que no Cintra, localizado no bairro do Anil, dois professores (Iole Cutrim Costa e Odeir de Jesus Lima), com muitos anos de Casa, foram removidos e colocados como excedentes, após terem …

Reunião com excedentes em São Luis dia 09/04.

Aos companheir@s do concurso ainda não nomeados(excedentes):


O Movimento de Resistência dos professores-MRP informa que realizará uma reunião no SINDICATO DOS BANCÁRIOS DIA 9 DE ABRIL (SEXTA FEIRA) às 17h, com os interessados em pleitear a nomeação via MS.


COMPAREÇAM!
FONTE:http://www.orkut.com.br/Main#CommMsgs?cmm=30228195&tid=5455032456554481020&na=4