Pular para o conteúdo principal

A DIRETORIA DO SINPROESEMMA ESCONDE A PROPOSTA DE NOVO ESTATUTO PORQUE??


Sindicato aguarda proposta oficial do governo

Fonte: http://sinproesemma.org.br/2013/05/sindicato-aguarda-proposta-oficial-do-governo/ 16/mai/2013 (QUINTA FEIRA)

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Maranhão (Sinproesemma) aguarda, do governo do Estado, a proposta oficial do Estatuto do Educador,  que deverá ser encaminhada à entidade, ainda esta semana, conforme previsão da Secretaria de Estado de Administração.
Somente de posse da proposta oficial e após análise do respectivo conteúdo, serão convocadas novas assembleias de educadores, para avaliar o texto e deliberar sobre os rumos da greve, que completa, nesta sexta-feira (17), 23 dias, com paralisação de professores em quase todo o estado.Publicado em 
Na última reunião da mesa de negociação, a direção do sindicato detectou uma surpresa no texto, que deixou  os dirigentes indignados. O reajuste de 4% proposto para as classes 3 e 4 (somente 3 na nova estrutura de cargos do estatuto) seria  a correção da URV, uma  perda que o professor pode conquistar na justiça, pois é um direito líquido e certo.
“Não haveria reajuste, na verdade, apenas um arranjo para o governo resolver o problema da URV. Discordamos, de imediato. O secretário Fábio Gondim prometeu, então, resolver a situação. Vamos aguardar o texto oficial, para avaliar. Se vier com os avanços negociados até o momento, convocaremos novas assembleias e publicaremos a proposta”, esclarece o presidente do Sinproesemma, Júlio Pinheiro.
 CONSIDERAÇÕES DO MRP:

Educador(a), está explicito que a diretoria do SINPROESEMMA está MENTINDO para todos nós, se não vejamos: Na nota acima, que é de 5ª feira(16/05), a diretoria afirma:

1- Aguarda, do governo do Estado, a proposta oficial do Estatuto do Educador,  que deverá ser encaminhada à entidade, ainda esta semana"; 
2- Somente de posse da proposta oficial e após análise do respectivo conteúdo, serão convocadas novas assembleias de educadores, para avaliar o texto e deliberar sobre os rumos da greve;
3- Se vier com os avanços negociados até o momento, convocaremos novas assembleias e publicaremos a proposta”
  
ATENÇÃO! A DIRETORIA DO SINDICATO AFIRMOU TUDO ISSO EM NOTA DO DIA 16/05 E NO DIA ANTERIOR LANÇOU O EDITAL DE CONVOCAÇÃO DAS ASSEMBLEIAS REGIONAIS QUE FOI PUBLICADONO JORNAL IMPARCIAL DO DIA 16/5 E ESTAS TÊM COMO PONTO DE PAUTA A AVALIAÇÃO DA PROPOSTA DE NOVO ESTATUTO.

Está explicito que O GOVERNO DO ESTADO JÁ ENVIOU A PROPOSTA DE NOVO ESTATUTO PARA O SINDICATO, MUITO PROVAVELMENTE, ANTES DO DIA 15/5, TANTO É QUE O EDITAL DE CONVOCAÇÃO DAS ASSEMBLEIAS REGIONAIS FOI LANÇADO DIA 15. Diante desse contexto pergunta-se: 

1- PORQUE A DIRETORIA DO SINPROESEMMA NOS NEGA O DIREITO DE ACESSO A PROPOSTA DE ESTATUTO QUE FOI NEGOCIADA COM O GOVERNO? 
2- PORQUE NO EDITAL DE CONVOCAÇÃO DAS ASSEMBLEIAS NÃO INFORMA O DIA, LOCAL E HORÁRIO DA REALIZAÇÃO DE NENHUMAS DAS 19 ASSEMBLEIAS REGIONAIS?

Tudo isso nos leva a crer que a PROPOSTA DE NOVO ESTATUTO TRAZ EM SEU BOJO uma politica salarial danosa, o enquadramento não será feito levando-se em consideração o tempo de serviço do professor  e a progressão na carreira está atrelada a AVALIAÇÃO DE DESEMPENHO. TUDO ISSO NOS CAUSA PREJUÍZOS FINANCEIROS IMEDIATOS E FUTUROS. 

Atenção! Essas manobras da diretoria do SINPROESEMMA objetivam evitar que os educadores acessem previamente a proposta de novo estatuto, pois dessa forma seus diretores acreditam que será mais facil INDUZIR os educadores a APROVAREM  a mesma. 

O MOVIMENTO DE RESISTÊNCIA DOS PROFESSORES - MRP   ALERTA: EDUCADOR DIGA NÃO AO ESTATUTO DA NEGAÇÃO DE DIREITOS!!! SOMENTE AGINDO ASSIM É QUE TEREMOS CHANCE DE MODIFICAR OS PONTOS DANOSOS DESSA PROPOSTA.




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Professora desmascara a propaganda do "governo da Mudança"

Neste vídeo a VERDADE sobre a realidade salarial dos educadores da rede estadual é revelada. Somente na propaganda do governo existe valorização dos educadores. Assista ao vídeo integralmente e conheça a triste situação dos professores.

Flávio Dino tem reajuste salarial e servidores estaduais, NÃO.

Onde está a Mudança?

O governo do Maranhão usa da desculpa de crise financeira e vem, há dois anos, arrochando os salários de milhares de servidores estaduais e negando seus direitos. Os professores ficaram sem ter o reajuste dos seus VENCIMENTOS em 2016 e 2017. Os professores em regime de C.E.T (CONDIÇÃO "ESPECIAL" DE TRABALHO) recebem essa gratificação CONGELADA desde fevereiro de 2015. Os funcionários administrativos, operacionais e outros, da SEDUC e das outras secretarias estão lutando para garantir, este ano, o reajuste de 6,3%, pois em 2016 não tiveram reajuste algum.



Na contramão do discurso de crise financeira e agindo  na surdina, a assembleia legislativa concedeu no último mês de fevereiro reajuste salarial, SEM PARCELAMENTO, para o governador, o vice-governador e todo o secretariado.  
Em 2017 seus novos subsídios são:
Governador: R$ 15.915,40         (16,9 SM);
Vice-governador: R$ 14.198,18 (15,1 SM);
Secretários: R $ 11.154,24          (11,9 SM).
Observação: SM = SALÁ…

O governador do Maranhão usa MP para descumprir lei estadual.

Não satisfeito em IGNORAR O ESTATUTO DO MAGISTÉRIO, A LEI DO PISO e deixar os educadores da REDE ESTADUAL sem REAJUSTE SALARIAL em 2016, o governador Flávio Dino resolveu inovar e, em 2017, lançou mão de uma Medida Provisória para burlar o estatuto dos profissionais do magistério.
Educador(a), entre em contato com o/a deputado/a da sua região, peça seu apoio e diga a ele/ela que somos contra a MP 230,  da forma que foi proposta. Queremos que o governador CUMPRA o Estatuto do Magistério. Quando definirem o dia dessa votação, vamos mobilizar nossa categoria para LOTAR a Assembleia Legislativa. 
Educadores de todo o estado precisam comparecer e lutar contra a aprovação dessa MP.
NO DIA DA VOTAÇÃO DA MP 230/17 QUE VIOLA O ESTATUTO DO MAGISTÉRIO  (Lei nº 9.860/2013), OS DEPUTADOS VOTARÃO aFAVOR (F)ou CONTRA (C)  A Educação e os EDUCADORES???
A MP 230/17 SERÁ VOTADA AMANHÃ NA COMISSÃO DE CONSTITUIÇÃO         E JUSTIÇA - CCJ. Seus membros titulares são:
Presidente; Prof Marco Aurélio
Relator; Dr L…